You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.

Sinopse

Com o crescimento populacional , torna-se cada vez mais importante entendermos e solucionarmos as crises hídricas em grandes cidades. Água Mole Pedra Dura é um apelo profundo ás questões ambientais e à condição humana. O filme testemunha a maior crise hídrica de todos os tempos numa cidade com uma explosão populacional de mais de 20 milhões de habitantes – São Paulo – Brasil.

Dos rios urbanos, transformados em esgotos tóxicos a céu aberto, à vizinhanças inteiras sem água, os diretores investigam todos os cenários da crise e não deixam pedra sobre pedra. Questões históricas, políticas, financeiras e sociais são discutidas com clareza e sobriedade. Um diálogo profundo entre vítimas, cientistas, formadores de opinião e ativistas, transformam esse complicado assunto em uma narrativa cinematográfica de 68’.

Especialistas internacionais como Fulbright Scholar Richard Palmer e Saskia Sassen da Columbia University dialogam com representantes da ONU e da Academia Brasileira de Ciências sobre condições atuais e desafios futuros. Experts em Saúde Pública e ativistas ambientais expõe a situação real e colocam em cheque as medidas tomadas. Cidadãos comuns relatam as terríveis consequências da falta de água.

Mais do que um estudo de caso, esse filme entra para o hall de um gênero investigativo de documentários que tem ganhado muito destaque. Chegou a hora de encaramos os fatos:
Crises hídricas se tornaram ocorrências de proporção mundial, áreas verdes e de mananciais estão desaparecendo, a má gestão do lixo sólido e esgoto está sufocando os corpos de água e não há liderança política. A sociedade está sofrendo. O que pode ser feito?